Concelho Santa Maria da Feira

Assembleia Municipal

Assembleia Municipal
Janeiro 8, 2013 12:50 PM

Depois de notícias que davam conta de que há pessoas que esperam vários anos para que lhe seja atribuída uma habitação social no concelho da Feira, o BE propôs a resolução imediata do problema através de construção de nova habitação social e criação de bolsas de arrendamento a partir de casas devolutas no concelho. PSD e CDS chumbaram a proposta.

Assembleia Municipal
Janeiro 8, 2013 12:45 PM

O Bloco propôs, na AM de 28 de dezembro, a "aquisição de um projetor digital por parte da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira e sua instalação na Biblioteca Municipal". Sabendo que este é um instrumento fundamental para o Cineclube da Feira e para a continuidade da programação de cinema no concelho, o Bloco propôs a aquisição desse projetor. O PSD chumbou a proposta, o CDS abesteve-se, PS e CDU votaram pela proposta do Bloco.

Assembleia Municipal
Janeiro 8, 2013 12:38 PM

O Bloco de Esquerda propôs um voto de louvor ao Festival de Cinema Luso-Brasileiro levado a cabo pelo Cineclube da Feira e que decorreu no mês de dezembro. Para o Bloco, "com muitas sessões e com o objetivo tanto de homenagear os consagrados, como de descobrir os novos talentos no cinema português e brasileiro, o Festival Luso Brasileiro é incontornável na cena cultural da região". Este voto foi aprovado por unanimidade.

Assembleia Municipal
Janeiro 8, 2013 12:30 PM

O Bloco de Esquerda propôs que fossem distribuídos pequenos almoços e lanches nas escolas do concelho de Santa Maria da Feira, onde a crise social se aprofunda e onde são cada vez mais as notícias de crianças que vão para a escola sem qualquer refeição. PSD e CDS chumbaram a proposta do Bloco.

Assembleia Municipal
Janeiro 8, 2013 12:18 PM

O Bloco de Esquerda apresentou uma moção de repúdio pela implantação de comunidades intermunicipais - CIM - que são, na verdade, órgãos supramunicipais, para os quais a população está impedida de votar e que servirão, no imediato, para criar muitas dezenas de cargos políticos, remunerados a peso de ouro. PSD e CDS chumbaram a moção.

Opinião

A mudança não poderá nascer, como parece ser a ambição em Ovar, de simulacros de uma democracia direta empobrecida. Com quatro anos consecutivos de rocambolescos processos de Orçamentos Participativos (OP) a alheada comunidade vareira arrisca um bloqueio inquebrável. 

Enquanto eleitor não posso sentir-me confortável quando me tratam como um urso, confinado a "pão e circo". A maior parte dos candidatos desenvolveram o péssimo hábito de passar a ideia de que são amicíssimos das pessoas, durante as campanhas.